Biblioteca da Escola Básica e Secundária

História

Glossário

Crucial

Decisivo, determinante

Perspicazes

Que observam com cuidado e subtileza; atentos

Povo minóico

A civilização minóica desenvolveu-se na ilha de Creta, a maior ilha do mar Egeu, entre 2700 e 1450 a.C.

Vital

Que é essencial, fundamental

 

# Quiz

A história da pintura

Das primeiras pinturas rupestres às modernas obras-primas, esta obra acompanha a história da pintura desde a alvorada dos tempos até aos nossos dias. Pelo caminho, encontrarás muitos factos fascinantes, histórias intrigantes e a revelação de alguns truques desta arte.

A pintura na Grécia Antiga

Os Antigos Egípcios eram grandes marinheiros e transmitiam os seus conhecimentos e ideias – incluindo a pintura – a povos da orla do Mediterrâneo. Há cerca de 4000 anos, o povo minóico, que vivia na ilha de Creta, já decorava as casas e os palácios com pinturas murais de pessoas, flores e animais. Eram parecidas com as dos egípcios, mas havia diferenças cruciais.

Os minóicos descobriram que o estuque absorvia as cores, se estas fossem aplicadas com as paredes ainda húmidas, e que não se lascava com o passar do tempo. Conhecida por «fresco», esta técnica de pintura tornou-se uma das mais populares nos três mil anos seguintes e ainda hoje é usada.

Os minóicos também romperam com algumas das regras rígidas de desenho dos egípcios. Representaram pessoas e animais sobre ângulos diferentes e pintaram as figuras sem utilizar grelhas, dando aos seus trabalhos um aspeto mais natural e fluido.

O estilo clássico

Há 2500 anos, a Grécia Antiga tinha alguns dos maiores pintores, escultores, escritores, cientistas e filósofos de sempre. Esta época de espantosa criatividade ficou conhecida por «período clássico». A pintura tornou-se uma parte vital da cultura grega clássica e havia concursos regulares de pintura para os artistas poderem mostrar os seus feitos mais recentes. Os gregos pintavam tudo, dos deuses e heróis às pessoas do dia a dia. Apesar de as suas figuras terem uma aparência muito real, gostavam de melhorar a representação e tornar tudo mais bonito do que era.

O conhecimento que temos da pintura grega chegou-nos, principalmente, através dos vasos de cerâmica pintada. Os vasos mais antigos mostram figuras pintadas a negro sobre fundo natural do barro vermelho mas, no século V a.C., aparecem também os vasos de fundo negro, onde as figuras se destacam a vermelho.

Infelizmente, muitas pinturas de grandes dimensões do período clássico grego foram-se perdendo ao longo dos séculos. Por isso temos de as imaginar, estudando as pinturas nos vasos gregos, lendo escritos antigos e vendo as cópias das pinturas gregas feitas pelos artistas mais perspicazes que se lhes seguiram: os romanos.