Introdução

Tarefas

Processo

Avaliação

Conclusão

Contos populares

Introdução

Ilustração: Jana Christy | www.kidshannon.comO conto é hoje uma forma literária reconhecida e utilizada por inúmeros escritores, mas a sua origem é humilde, pois começou por ser um relato simples e despretensioso de situações imaginárias, destinado a ocupar os momentos de lazer.

O conto popular, ou conto tradicional, é aquele que «se diz e se transmite oralmente». Trata-se de um repertório muito significativo para um povo, já que encerra e perpetua um conjunto de ensinamentos morais.

Atualmente, vivemos num mundo muito diferente do dos contos tradicionais. Ao lê-los, mergulhamos numa sociedade antiga e rural, numa cultura que já se perdeu. Os verdadeiros contos são anónimos, de origem longínqua e difícil de temporizar. Constituem pequenas narrativas simples que não entram em pormenores e reduzem ao máximo a ação, o tempo e o espaço. Passados de geração em geração, os contos populares fornecem uma explicação do mundo, são a expressão de terrores e anseios profundos e uma escola de sabedoria. A oralidade levou a que existissem versões diferentes do mesmo conto, porém, o essencial da narrativa mantém-se inalterável.

Para além dos contos tradicionais, fazem parte da tradição oral os provérbios, as adivinhas e as quadras populares.